Tuesday, 10 September 2013

Bebés recordam palavras que ouviram ainda no útero

Bebés recordam palavras que ouviram ainda no útero

Os bebés são capazes de memorizar as palavras que ouvem frequentemente quando estão ainda no útero da mãe e de reconhecê-las depois de nascer. A conclusão é de um novo estudo finlandês, que sugere a importância de falar "com a barriga" durante a gravidez e mostra a forma como o cérebro em formação se adapta ao som antes do nascimento.

"Acreditamos que este estudo demonstra o sucesso com que o cérebro em desenvolvimento se adapta ao som. É um sinal de que a aprendizagem da linguagem ou a adaptação [dos bebés] àquilo que ouvem acontece muito cedo", explica Minna Huotilainen, professora do Finnish Center of Excellence in Interdisciplinary Music Research da Universidade de Helsínquia.

Citada pela imprensa internacional, a investigadora, co-autora do estudo publicado recentemente na revista científica Proceedings of the National Academy of Sciences, garante que "um recém-nascido não é uma tela em branco, tendo já aprendido a forma como a mãe e outros membros da família falam".

Embora a ideia de que os bebés conseguem recordar sons que ouviram ainda no útero seja impressionante, em especial se se considerar que os seus cérebros ainda estão a formar as ligações que permitem o processamento de quaisquer informações, os cientistas obtiveram sinais de que tal acontece efetivamente.

No comments:

Post a Comment

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...